25.9.08

Princesinha hype

bom dia princesa de minas,
me responda no sotaque adequado
não me deixe cabisbaixo de tanto torpor
te sinto meio cansada, pouco alucinada
sufocada pela fumaça
pela tristeza
princesinha hype
te imagino uma linda descolada
de botas e cartucheira querendo dançar
por 48 horas sem parar
vamos juntos minha nobre senhora
exorcizar a caretice
vamos bailar pelas ruas
por seus bares
seus monumentos

vamos juntos profanar todos medos
descobrir anseios
destampar os seios
para abalar seus primos chatos
vamos acampar no parque Halfeld
curtir o dia e anoite

para curtir o amanhecer
e esquecer
de tudo que passou

4 comments:

Mychelayne said...

o desejo segue no teus beijos
Na musica alta e na luz desnorteada-Não tenho medo...
Nem de você.Nem de você.

A carbe fraca , eu bem sabia .
Que aqueles cabelos nas mãos tuas.
Próposito e disfarce...Quem me dera fingir .

O resistir dos versos seus.
Me levaria da boca tua para minha
Do verso teu e me desculpA!
Cair é minha sina.

Vossos ouvidos.

My Rattes..
uma familiar....

myrattes@yahoo.com.br

Marcos Lúrio said...

Achei excepcional a forma como você trata a cidade neste poema. Parabéns!

Anonymous said...

EStive no Mezcla e lhe vi. Não mais esqueci de suas palavras. Nem de você.

Aline Aimée said...

Gostei da poesia, tem uma condução solta, meio malandra, combinou com as sugestões do eu lírico e o perfil da princesinha hype. E obrigada pela visita =)